1. Home
  2. Maquinas puncionadeiras
  3. Gestão de punções e matrizes

Gestão de punções e matrizes

Updated on julho 18, 2017
Aplica-se a: 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016, 2017

Logo após a criação e atribuição de uma torre a uma máquina no Lantek, como visto no artigo Gestão de torres; o próximo passo a ser seguido, é realizar os cadastros de punções e matrizes existentes para esta máquina no software.

O básico

A criação de punções no Lantek é bem simples, porém exige alguns conhecimentos técnicos sobre os tipos de ferramentas e estações em que estas podem ser encaixadas na torre.

A indicação correta dos tipos de estações permitidos para cada punção, permitirá ao software a representação em cores das melhores posições de encaixe do punção no momento da montagem da torre.

Podemos caracterizar as ferramentas em 2 tipos, ferramentas padrões e ferramentas de forma (especiais). Neste artigo vamos conhecer inicialmente o cadastro de ferramentas padrões especificamente.

Antes de realizar as criações tenha em mãos:

  • Uma lista de todos os formatos e dimensões dos punções;
  • Uma lista com todas as matrizes/ folgas disponíveis para cada punção.
Tipos de ferramentas

Os tipos de ferramentas mais comuns são as de corte, porém existem outros tipos, e estes devem ser considerados no momento do cadastro dos punções, para que pós-processador gere as instruções corretas no NC.

Sendo estes:

  • Corte (Cisalhamento)
    O material é estampado e é necessariamente rompido por cisalhamento.

  • Repuxo (Conformação profunda)
    É uma conformação mais intensa, onde o material sofre um estiramento, ou seja, tem sua espessura diminuída, a fim de se conseguir a forma desejada na peça.

  • Conformação (Conformação leve)
    O material é conformado plasticamente a fim de se obter um formato na peça.

  • Ciclo de rosca
    Realização de rosca ou escareamento no material.

  • Marcação
    Não há cisalhamento ou conformação, apenas uma marca superficial no material.

Matrizes

São as folgas de corte necessárias para se cortar cada espessura e material de chapa com o mínimo de rebarba possível.

Existe uma fórmula para se calcular essa folga e uma tabela pode lhe auxiliar na compra e cadastro destas.

Tipos de Estações

Cada tipo de estação possui um tamanho máximo para montagem de ferramentas dependendo de cada fabricante de máquina.

É necessário saber o tamanho de cada estação para definir este corretamente durante o cadastro da ferramento no software.

Ferramentas padrões

As ferramentas padrões disponíveis para cadastro no Lantek são:

  • Redondo
  • Quadrado
  • Retângulo
  • Oblongo
  • RD1
  • RD2
  • Triângulo
  • Cruz de quatro raios
  • Banana
  • 3 raios
  • 4 raios
  • Wheel (Rolling shear)
  • T-shear
  • Scribe
  • Texto

Qualquer ferramenta que não exista nesta lista, é considerada como uma ferramenta de forma especial.

Conceitos

Janela de cadastro

Para facilitar a interpretação da janela de cadastro de ferramentas do Lantek, podemos subdividi-la da seguinte maneira:

  • Dimensões do punção: O usuário deve digitar a dimensão do punção conforme indicado na legenda.
  • Características: O sistema trata automaticamente o nome do punção (referência), porém, se necessário, este nome pode ser editado pelo usuário. Ainda neste campo, deve ser definido o tipo de ferramenta (conforme explicação no início do artigo).
  • Criação de matrizes: O usuário pode optar por criar (recomendável) ou não matrizes no momento do cadastro da ferramenta e pode digitar o valor de até 3 folgas distintas.
  • Atribuição à máquina: No momento da criação, é possível optar por atribuir a ferramenta e matrizes que estão sendo criadas a uma máquina ativa (conforme seleção), apenas as com mesmo tipo de torre, ou ainda, em todas as máquinas puncionadeira cadastradas no software. Isto permite que logo após a criação da ferramenta, esta esteja disponível para utilização na máquina.
  • Tipo de estação válida: O usuário deve indicar em que tipo de estação é possível montar a ferramenta que está sendo criada.
Dica!

A definição de tipo de estação válida para o punção fará com que o sistema indique por cores as posições válidas para montagem na torre.

Botões
  • Mais…: Ao clicar sobre este, é possível definir valores X e Y para configurar  um centro de gravidade deslocado para a ferramenta selecionada ou que está sendo criada no momento.

  • Chavetas: Ao clicar sobre este, é possível configurar os ângulos de chaveta existentes para montagem deste punção na torre.

  • Propriedades: Ao clicar sobre este, é possível configurar algumas propriedades específicas para o punção. Estes podem influenciar diretamente ou não no NC gerado pelo pós-processador.

  • Outros…: Ativo apenas para cadastro de ferramentas WHEEL. Permite a seleção do tipo de ferramenta de rolamento a ser cadastrada.

  • OK: Valida e salva a configuração feita.
  • Terminar: Finaliza e fecha a tela de configuração.

Cadastro de ferramentas padrão

Punções e matrizes

Uma vez tendo pleno entendimento do básico e conceitos, podemos começar os cadastros no Lantek.

Para isto acesse no módulo CAMGuia Gerenciar\  Punções\ Punções

Clique sobre o botão Punções e então será apresenta a seguinte janela:

Nesta tela podemos realizar filtros de pesquisa (Critérios…), Criar…, Modificar… e Apagar punções selecionados.

Inicialmente vamos utilizar a opção Criar… 
Ao clicar sobre a opção, a seguinte tela será apresentada:

Para continuar com a criação, basta selecionar o formato de ferramenta padrão desejado e entrar com todas as informações solicitadas pela janela abaixo:

Para finalizar um cadastro, basta clicar em OK ou Terminar.

Dica!

Cada formato de ferramenta mostrará em sua tela de configuração o desenho respectivo ao formato e suas dimensões em forma de legenda à esquerda. Esta legenda deve ser utilizada para preenchimento dos campos respectivos à direita do desenho.

Uma vez criado o cadastro da ferramenta, pode-se utilizar os botões Modificar… para realizar alterações ou Apagar, para eliminar o cadastro da ferramenta.

Matrizes

Durante o cadastro de um punção, já é possível criar até 3 matrizes. Se necessário, é possível criar mais matrizes diretamente através do botão Matrizes presente no CAM em: Guia Gerenciar\  Punções\ Matrizes

Clicando sobre o botão temos a seguinte tela:

Ela segue os mesmos conceitos das janelas anteriores, é possível realizar filtros, criar novas matrizes ou modificar as já existentes.

Para criar novas matrizes, basta clicar sobre Criar…

Selecionar o punção desejado e clicar sobre Automático

Digitar o valor da folga e finalizar com OK.

Indicar punções-matrizes

Quando são criados novos punções e matrizes, e na tela de criação do punção, este não é designado à máquina, é necessário utilizar o botão Indicar punções-matrizes presente na tela do CAM em: Guia Gerenciar\  Punções\  Indicar punções-matrizes

Clicando sobre o botão temos a seguinte tela:

Nela é necessário selecionar a máquina em que o usuário deseja adicionar punções e matrizes e clicar em OK.

Dica!

É possível selecionar a máquina e abrir a tela de configurações utilizando duplo clique do botão esquerdo do mouse.

Nesta tela, ao lado esquerdo estão todos os punções cadastrados no software e ao lado direito os punções ativos na máquina selecionada.

Para designar um novo punção cadastrado a máquina selecionada, basta selecionar o punção desejado na lista da esquerda e utilizar as setas:

  • > (enviar punção selecionado da esquerda para a direita);
  • >> (enviar todos os punções da esquerda para a direita).

Mais alterações podem ser feitas utilizando as setas:

  • < (enviar punção selecionado da direita para a esquerda);
  • << (enviar todos os punções da direita para a esquerda).

Ainda nesta tela é possível consultar e fazer a gestão de todas as matrizes cadastradas para um determinado punção selecionado, utilizando o botão Matrizes.

Verificar Parâmetros… de zona de garra.

Imprimir a lista de punções ativos.

Dica!

É possível exportar a lista de punções para diferentes formatos de arquivos. Dentre os formatos mais conhecidos estão: *.pdf, *.doc e *.xls.

Verificar ou editar os tipos de estação (Estações tipo) válidos para o punção selecionado.

E por último, verificar ou editar as Propriedades de um punção selecionado.

Para finalizar as edições, basta clicar sobre Terminar.

Com isso finalizamos nossa configuração!

 

Se preferir, confira o vídeo com todos os detalhes.

[em breve]


Ainda ficou com dúvidas sobre este recurso?

Deixe seus comentários para melhorarmos ainda mais este artigo!

Was this article helpful?

Related Articles

Add A Comment