1. Home
  2. Maquinas de corte
  3. Lantek Quattro – Instalação da máquina

Lantek Quattro – Instalação da máquina

Updated on novembro 3, 2016

Instalação da máquina

Antes de iniciar a programação de guilhotinas com o módulo Lantek Quattro é necessário criar e configurar a máquina em questão. Para criá-la, no módulo CAM do Lantek Expert selecione Gerenciar >> Máquinas >> Nova… então no campo Fabricante procure Lantek e em Máquina selecione a máquina Lantek Shear… abaixo no campo Nome é possível alterar o nome da mesma, como Guilhotina, por exemplo.

quattro-1

Depois de criar a máquina, clique em Configurar e na aba Máquina >> Guilhotina configure o valor do Comprimento máximo da guilhotinagem, de acordo com o especificado pelo fabricante, essa configuração restringe a guilhotinagem da chapa nos padrões reais da máquina.

quattro-2

Então clique em Máquina >> Gerais das chapas que permite o usuário configurar parâmetros referentes à chapa.

quattro-3

Margens

Estas configurações permitem especificar margens de segurança ao redor da chapa.

Margem dos retalhos

Quando um retalho é gerado a partir de uma chapa, as margens do retalho serão tiradas juntamente com o mesmo, usando este valor.

Ver a numeração automática

Se este parâmetro é ativado, a referência da chapa é mostrada na área de status quando trabalhando no módulo de Nesting e Corte.

Estado da Chapa

Indica o estado de planicidade da chapa (0 = completamente plana, 9 = muito irregular).

Comprimento mínimo/máximo e largura mínima/máxima

Quando uma chapa é escolhida da base de dados, o sistema executará uma filtragem das chapas, utilizando, além dos dados de material e espessura, os valores configurados nestes campos, ou seja, não pegará chapas menores que o mínimo ou maiores que o máximo.

Rotação

Com esta opção, o usuário pode visualizar a chapa rotacionada em 90°, 180° ou 270°. É também possível fazer a simetria da chapa no módulo de Nesting e Corte.

Filtro de chapas

O usuário pode definir um comprimento e largura mínimos e máximos. Se houverem chapas que não estão entre os valores mínimos e máximos, estas não serão utilizadas.

Depois em Sistema >> Dados dos retalhos é possível configurar os retalhos que podem ser gerados nas chapas logo após a execução do nesting.

quattro-4

Dados dos retalhos

Quando o acabamento de uma chapa utiliza apenas uma pequena parte da área total (o que normalmente acontece na última chapa de um conjunto), a parte sobressalente pode ser armazenada para ser utilizada em nestings futuros, e esta parte é denominada retalho. O sistema pode gerar retalhos automaticamente, bem como gerenciá-los na base de dados. É muito útil quando o usuário quer utilizar um retalho para outra ordem. O sistema pode ser configurado de modo que reconheça estes retalhos e guarde os mesmos na base de dados de chapas quando o nesting for salvo.

Gerar retalhos ao salvar

Habilitar esta função faz com que o sistema automaticamente gere um retalho a partir da chapa atual quando o nesting for salvo. Existem duas maneiras de gerar retalhos: a primeira é utilizando a chapa original, retirando apenas as áreas acabadas, e a segunda adiciona uma ou mais linhas de corte, criando mais retalhos a partir das áreas sobressalentes.

Gerar os retalhos com as chapas completas

O sistema manterá na base de dados a chapa inteira após o corte das peças. É útil quando a chapa foi acabada com poucas peças e é melhor não cortar a linha do retalho. O usuário pode pegar a chapa e colocar mais peças aproveitando o espaço restante.

Gerar automaticamente a linha de corte do retalho

Esta função permite gerar retalhos de acordo com as configurações (imagens) abaixo do parâmetro.
Cada opção vai gerar um número de retalhos e também diferentes formatos (demonstrados pela área verde). No tipo de retalho com o ponto de interrogação (?), o sistema decidirá que tipo de retalho a criar dependendo do valor da área.
Todas as formas e linhas de corte dependem dos valores de offset entre as peças e as linhas, a largura mínima dos furos e a área mínima do retalho. Ao usar retalhos automáticos, o usuário pode gerar a linha automática do retalho usando
encaixes definidos no eixo Y. Esta opção permite otimizar a chapa que será utilizada como retalho. X Mínimo e Y Mínimo: O sistema não criará retalhos menores que os valores configurados em X e Y. Se o retalho é menor, o sistema usará estes valores para criar o retalho. Esta opção é válida apenas para as 6 primeiras opções de geometria de retalho.

Separação entre as peças e a linha

Este valor determina a distância entre a linha de corte do retalho e qualquer peça que esteja posicionada na chapa.

Largura mínima

O valor desse parâmetro é o valor mínimo permitido para espaços entre as peças e a linha de corte do retalho.

Arredondar a linha do retalho

Com esta opção o usuário pode definir um arredondamento dos cantos vivos do retalho automaticamente, que são aplicados quando o retalho é gerado. O primeiro parâmetro habilita a opção, e o raio, posicionado ao lado do parâmetro, define o raio do arredondamento. (Não usado em guilhotinas)

Eliminar os retalhos das peças

Com este parâmetro desabilitado, o sistema irá gerar retalhos com qualquer área da chapa, inclusive aquelas que estão dentro das peças, tais como furos. Se o usuário não deseja utilizar estas áreas, este parâmetro deve ser habilitado. (Não usado em guilhotinas)

Área mínima do retalho

Este parâmetro fará com que o sistema gere retalhos com a área maior do que a área configurada. Caso a área for menor, o restante da chapa será considerada como perda.

Os retalhos podem ser girados

Os retalhos serão gerados como configurados, mas se este parâmetro for habilitado, o sistema irá procurar pela melhor posição do retalho.

Pedir referências ao gerar retalhos

O sistema gera uma referência automática para cada retalho. Porém, se este parâmetro for habilitado, no momento de gerar o retalho, uma solicitação de referência do retalho será aberta pelo sistema.

Após a configuração dos retalhos acesse Sistema >> Dependentes de Material-espessura.

Depdentes de Material-espessura

O sistema trabalha associando o material e a espessura da peça com os valores respectivos configurados dentro de tabelas.

Atenção

O preenchimento das tabelas de Dependentes de Material-espessura não é obrigatório, ficando sob critério do programador configura-las ou não, caso opte por não usar o sistema assumirá as configurações estabelecidas de Gerais das Chapas, Dados dos retalhos e Esqueleto de guilhotinagem nos campos padrões fora da tabela para todos os materiais e espessuras que forem utilizados.

Primeiro deve-se criar uma tabela clicando no botão Nova… então uma janela aparecerá onde se escolherá o material a ser configurado, como por ex: AISI 1020 depois a Espessura 1 e Espessura 2 devem ser definidas para que toda peça com o mesmo material e espessura seja arranjada na chapa utilizando as mesmas configurações. Ex:

Assumindo uma tabela com a configuração Material – AISI 1020 Espessura 1 – 0 mm Espessura 2 – 1 mm.

Agora temos uma peça quadrada de 100mm com material AISI 1020 de 0,8 mm de espessura, esses valores da peça estão dentro do campo de abrangência da tabela criada então o sistema utilizará as configurações da mesma toda vez que a peça for utilizada no módulo Nesting e Corte.

Parâmetros de guilhotina

Essa configuração permite que durante o aproveitamento das peças na chapa um espaçamento minimo entre uma peça e outra seja criado (esqueleto de guilhotinagem).

Gerais das chapas

Permite o usuário configurar parâmetros referentes à chapa.

Dados dos retalhos

Possibilita configurar os retalhos que podem ser gerados nas chapas logo após a execução do nesting.

Por último em Sistema >> Nesting automático será definido todos os parâmetros para o sistema fazer os nestings automáticos nas chapas.

Esqueleto de guilhotinagem

Essa configuração permite que durante o aproveitamento das peças na chapa um espaçamento minimo entre uma peça e outra seja criado.

Tratamento das bordas da chapa

O sistema assumirá a borda às sequencias de corte das peças do nesting na folha de processos.

quattro-6

Canto

O aproveitamento de peças na chapa será a partir do canto definido pelo usuário.

É permitido manobras da chapa

Durante o corte em guilhotinas, o operador pode pegar e virar a chapa manualmente, algumas peças podem ser posicionadas na vertical ou horizontal. Se esse parâmetro for habilitado o resultado será esse:

quattro-7

Se a opção estiver desabilitada, o resultado será todas as peças arranjadas na horizontal, como na imagem abaixo:

quattro-8

Otimizar o retalho da última chapa

O sistema fará o calculo de aproveitamento para a última chapa priorizando o formato do retalho em X ou Y no corte da guilhotina.

Não
O sistema não fará o cálculo priorizando o retalho no corte.
X mínima
O sistema vai priorizar o aproveitamento do retalho no corte da guilhotina no sentido do comprimento da chapa.
Y mínima
O sistema vai priorizar o aproveitamento do retalho no corte da guilhotina no sentido da largura da chapa.
Tolerância

É a tolerância de encaixe entre uma peça e outra dentro da chapa que o sistema leva em consideração para fazer o aproveitamento.

Nível de cálculo

São 3 níveis de cálculos de aproveitamento da chapa possíveis que o sistema usa nas ferramentas de nesting automático.

Unitária
Informação

Cria um nesting para apenas uma peça. Útil quando o usuário não tem conhecimento dos retalhos disponíveis na fábrica, e quer apenas cortar uma peça. Ao clicar, o sistema solicita a seleção de uma peça, e ao clicar na peça, as opções de configuração de chapa são mostradas:

O usuário deve definir as bordas de segurança. O comprimento e a largura da
chapa são equivalentes ao retângulo exterior da peça.

Ignorar contornos abertos

Não leva em consideração possíveis contornos abertos nas peças durante o nesting.

Criar chapas na base de dados

Cria as chapas dos retângulos das peças no banco de dados do Lantek.

Pedir esses dados

Abre essa janela de configuração todas as vezes em que o recurso Unitária for utilizado.

Was this article helpful?

Related Articles

Add A Comment